Quero receber
o LordCão News

 

Nossas Treinadoras

Daniela
Daniela Prado
(21) 99642-4412
Rio de Janeiro - RJ

Cristal
Cristal Sauwen
(21) 3507-5569
(21) 99899-5512
Rio de Janeiro - RJ
Flavia
Flávia Lopes
(42) 3553-1651
(42) 9854-0836
União da Vitória - PR

Luana
Luana Paternoster
(21) 3117-6878
(21) 99891-6878
Rio de Janeiro - RJ
Cristal
Vanessa Vianna
(21)2208-6951
(21) 99403-6951
Rio de Janeiro - RJ
Miguel Pereira - RJ
Ana Claudia
Ana Claudia Villaça
Rio de Janeiro - RJ



Daniela Prado

Nasci em 1969, no Rio de Janeiro. Em 1989 me formei em Língua e Literatura Francesas, em 1991 em Direito, e em 1993 terminei minha pós-graduação em Administração de Artes na City University em Londres. De volta ao Rio, abri a Manari Produções Culturais e achei que tinha encontrado minha vocação trabalhando com música clássica. Mas … em 1997 comprei meu primeiro cachorro, um rottweiler chamado Faramir ... e tudo mudou.

Primeiro veio o interesse pelo treinamento de meus cães (em 1998, já eram 2), e pela criação selecionada de sua raça. Depois a vontade de fazer de meu sítio um lugar legal para os cães dos outros também. Nasceu então, o “spa para cães Monte Olivete”, que aos poucos foi crescendo e roubando o lugar da música. Com todo esse envolvimento com meus hóspedes e filhotes, nasceu a necessidade de entender o que se passava na cabeça deles. Porquê agem como agem? Como fazê-los entender o que queremos? Como viver melhor com eles? Do que realmente precisam? Essas e outras perguntas me levaram a procurar um especialista em comportamento canino, ou melhor, uma especialista. Era 1999 quando conheci a Claudia Pizzolatto e o trabalho da LordCão, e foi apenas uma questão de tempo até que eu me juntasse a elas.

Durante o período de estudo e treinamento fui sendo apresentada ao “maravilhoso mundo da mente canina” e me apaixonando cada vez mais por seus mecanismos de funcionamento e complexidade de detalhes. Nesses anos de trabalho na LordCão tive a chance de lidar com uma infinidade de problemas e questões, muitos de fundo comportamental, muitos simples questão de falta de educação dos cães ou de informação de seus donos. Tive a oportunidade de escrever artigos, dar palestras e entrevistas, e expandir cada vez mais meus horizontes, mas o mais importante, porém, foi ver que, quase sempre, o desespero de donos de cães problemáticos, ou simplesmente de filhotes bagunceiros, pode ser resolvido e todos podem viver felizes para sempre.

Em 2009 passei a liderar a LordCão, com o objetivo de expandir cada vez mais o acesso de donos de cães à informações e serviços especializados. Continuo à frente do Canil Monte Olivete e do Mendara Rottweilers e em junho deste ano fui convidada a integrar a Comissão de Adestramento do Conselho Brasileiro da Raça Rottweiler - CBRR, entidade ligada à Confederação Brasileira de Cinofilia - CBKC.

Sou ainda a feliz “mãe” de Simba e Nala (meus gatinhos) e Gita, Ludwig, Nessie e Ziva, e nas poucas horas vagas ... volto aos concertos e recitais!

Daniela- Rio de Janeiro/RJ
(21) 99642-4412




Flávia Lopes

Nasci em março de 1989 e desde então convivo com cães. Meus pais sempre gostaram de animais e graças a isso nos incentivaram a gostar e cuidar deles. Já tive cavalo, pássaros, gato e cães de diferentes raças e tamanhos.

A única fase da minha vida que lembro não ter tido um cão por perto foi quando me mudei para estudar em Blumenau/SC no início de 2005. Com o tempo minha irmã foi morar comigo e a vontade de ter um cão começou a tomar conta de nós, mas mesmo assim, respeitávamos quando nossos pais nos diziam (com toda razão) que não teríamos tempo de cuidar dele.

No final de 2010 me formei Engenheira Florestal e já comecei a trabalhar numa empresa no interior de São Paulo. Nesse meio tempo, minha irmã adotou um vira-lata chamado Joca. Não convivi muito com ele, mas sempre ouvia dela histórias do “Joca – O Terrível” e todos os conselhos que ela tinha aprendido com um adestrador. Desde então, comecei a ter mais interesse em compreender a cativante mente canina e suas necessidades do que em resolver problemas de engenharia.

Em 2012 me casei e logo no primeiro mês da vida a dois, adotamos uma Labradora Preta, na época com 4 anos, que tinha um único pelo branco nas costas e por isso passou a se chamar Branca. Comecei a estudar mais sobre as características da raça, cuidados e necessidades. Com o passar dos dias, o nosso convívio com a Branca se tornava cada vez mais feliz, e senti extrema necessidade de aprofundar meus conhecimentos no universo canino e ajudar donos e cães a sentirem a mesma satisfação.  

Estava decidido. Precisava trabalhar com cães, só assim minha felicidade estaria completa. Depois de várias pesquisas, encontrei a LordCão, namorei o tópico Franquia por longos e belos dias, entrei em contato com a Daniela Prado e iniciamos o treinamento. Durante o período de estudo, me deparei com todo tipo de problemas de comportamento canino e relações abaladas entre dono e cão, e a cada situação resolvida eu me sentia cada vez mais realizada profissionalmente.

Como treinadora, posso dizer que ajudar o dono a entender a cabecinha de seus companheiros peludos, e com isso tornar a relação entre eles harmoniosa, feliz e cheia de amor, é algo mágico e inexplicável.

Hoje sou completamente feliz. Conquistei uma família linda e sou apaixonada pelo meu trabalho.

Flávia - União da Vitória/PR
(42) 3553-1651 / 9854-0836



Cristal
Cristal Sauwen

Com o fascínio pelo mundo natural eu cresci não muito adaptada, na cidade Rio de Janeiro. Apesar de um mundo sem a presença de humanos fosse um sonho infantil, foram os animais mais próximos a nós que despertaram a minha mais profunda paixão e curiosidade.

Em 2010 fiz trabalho voluntário no Harnas Wildlife Foundations, uma instituição que resgata, cuida e tenta reintroduzir animais aprendidos do tráfico. Por um mês eu convivi, cuidei e alimentei diariamente leões, guepardos, babuínos, raposas, gatos selvagens, suricatos e cachorros. Era com os cães da fazenda que eu passava minhas horas livres, apesar de os outros animais maravilhosos, nenhum tinha o mesmo interesse nas pessoas como os cães. Eles, e os gatos, eram os únicos que não precisavam de cercas, que estavam lá por vontade própria. 

Durante a minha formação em biologia, na Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro. Entre muitos encontros, cursos e congressos foram ao congresso anual de etologia de 2011, onde eu participei ministrado pelo Professor César Ades e pela Professora Carine S. Redígolo, ambos da USP e especialistas em comportamento canino. Foi a partir de então que meu interesse pelos cachorros passou a invadi a minha vida. Eu me encantei por como a nossa história e a deles se entrelaçam, como nós precisamos um do outro, e como nós evoluímos para entendê-los e eles a nós.

Comecei a ler tudo que eu encontrava sobre cachorros, sempre de um ponto de vista mais cientifico, meio distante. Eu queria mais, foi quando eu comecei a pesquisar sobre adestramento no Rio de Janeiro, eu estava à procura de alguém para me ensinar mais. Falei com muitos adestradores do Rio, porem eles me pareciam saber treinar cães, mas não se preocupavam em entendê-los, conhecer suas motivações.

Foi em uma conversa, com o meu pai, ele lembrou que o nosso labrador, Bandit tinha sido adestrado por uma treinadora muito boa, que entendia muito de comportamento (mais tarde descobri que era a Cláudia Pizzolatto). Ele só lembrava-se do nome: Lordcão. Foi assim que eu achei a Ana Claudia Villaça e Daniela Prado, e finalmente eu tinha achado pessoas que queriam mais do que ensinar cachorros, queriam também aprender com eles e torná-los mais felizes e educados, não apenas condicionados.

De um interesse cientifico, os cachorros passaram a ser uma paixão.  Como treinadora, meu objetivo é conseguir soluções saudáveis e práticas de acomoda-los em nossa nova vida urbana, através do entendimento do comportamento e as emoções caninas.  Assim, nossos mais fieis companheiros possam continuar nos acompanhando sem perder a sua natureza que tanto nos fascina.

Cristal - Rio de Janeiro/RJ
(21) 3507-5569 / 99899-5512


Cristal
Luana Paternoster

Nasci em 1981 no Rio e desde criança sou apaixonada pelos animais. Apesar da minha mãe ter um pé atrás, meu pai – de quem herdei toda essa paixão – sempre ficou ao meu lado, e por isso aos 5 anos tive meu primeiro cachorro, um Beagle. Depois dele vieram um Bichon Frisé, aquário de água salgada, passarinhos, papagaio e até quatro pintinhos que viraram frangos e foram morar no galinheiro na casa da minha avó no interior do Rio, onde mantivemos ainda 2 éguas lindas, que me trouxeram a paixão de cavalgar. Para completar, papai teve ainda um sítio onde tivemos vários vira-latas e éramos vizinhos de um Coelhário. Me sinto privilegiada por ter tido uma infância repleta de bichos à minha volta.

Quando me entendi por “gente”, com 15 anos, ganhei da minha mãe o melhor presente que ela já me deu, a Cocker Spaniel Luma. Ela era uma cadela de comportamento difícil, como muitos cockers dourados, e muito inteligente, o que me instigou a ler bastante sobre adestramento e a ensiná-la amadoramente. Com a Luma foi crescendo minha vontade de lidar com cães, não só como pet.

Na hora do Vestibular o gosto pela escrita me levou para a faculdade de Jornalismo, mas para me manter perto dos peludos fiz curso de banho e tosa e trabalhei com isso até começar a estagiar. Formada, trabalhei durante quase 15 anos em Assessoria de Imprensa, sendo 11 deles na área cultural.

Nesse tempo casei, mudei, a Luma “cruzou a ponte” (assim como sua filha Yuna e a gata Cinderela), e depois de 2 anos, a Anne Bonny entrou em minha vida. Meu marido e eu escolhemos a raça American Staffordshire Terrier e quando nossa pirata ainda era filhote quase destruiu nosso apê inteiro. Tinha muito mais energia do que havíamos imaginado. Por ter um temperamento forte e muita disposição, ela reacendeu em mim a “veia” para o adestramento. Chamei a LordCão e a treinadora Ana Claudia nos deu uma consultoria ótima. Passei a fuxicar ainda mais o site da empresa e me identifiquei de cara com o tipo de trabalho realizado. Foi a primeira vez que paquerei a área da franquia, há quase quatro anos, em 2012.

Com a Bonny, eu, que já me exercitava bastante, passei a incluí-la na prática de atividades físicas para gastar essa energia toda. Começamos a correr juntas quando ela tinha 6 meses e a fazer agility quando ela tinha 9 meses, em 2013. Em 2014 ganhamos nossa primeira medalha no Canicross (corrida em trilha, onde dono e cão formam uma dupla) e no mesmo ano no Agility (na época como iniciante, categoria “tamanho midi”). Desde então participamos de alguns campeonatos cariocas, paulistas e brasileiros, já tendo conquistados mais algumas medalhas, agora no grau 1 . Além disso, já fizemos Supdog, viajamos, vamos à restaurantes, praias, fazemos trilhas, etc, de forma que a Bonny mantenha sua saúde física e mental, seja sempre sociável e possa participar ao máximo da minha vida.

Há dois anos decidi me tornar uma treinadora da LordCão para me dedicar exclusivamente a lidar com esses seres incríveis de quatro patas. Enquanto estudava e fazia minha formação fiz um curso básico de Handling (apresentar cães em exposições de beleza) e me tornei sócia de um amigo no projeto “Dia de Cão Feliz”, onde fazemos passeios especiais, em matilha e na natureza, para dar mais qualidade de vida aos cachorros enquanto seus donos trabalham.

Sinto que me encontrei cada vez que dou aula e ajudo um dono a lidar melhor com seu grande amigo, membro de sua família, porém com características diferentes de nós, humanos, e que finalmente posso já afirmar que me sinto realizada profissionalmente. Tenho muito orgulho de dizer que sou uma especialista em comportamento canino pela LordCão. O prazer de ver um bom relacionamento entre cães e seus donos, e ambos felizes, não tem preço.

Luana - Rio de Janeiro/RJ
(21) 3117-6878 / 99891-6878



Vanessa
Vanessa Vianna

Minha paixão por cães vem desde criança, e quando meu pai comprou um terreno para construir nosso sítio, logo adotamos a vita-lata que por lá circulava comendo o resto da marmita dos pedreiros. Menina por lá ficou e acabou nos rendendo três filhotes, Pongo, Pretinha e Flamel. Castramos todo mundo e vivemos felizes para sempre no nosso novo paraíso.

Com o passar do tempo eles se foram e veio o Leão, um vira-latão muito grande e muito dócil, que amava um chamego. Depois a Jolie, anunciada como uma ”golden retriever com rabo cortado”, que está conosco até hoje, a Larah (Pastor Alemão), Hope (Boxer) e os “virinhas” Cocota, Brisa, Sway, Bono e Cacau.

Enquanto isso, a vida seguia, casei e trabalhava como professora de inglês. Sempre gostei de ajudar as pessoas a atingir seus objetivos ensinando-as algo novo. Acredito no poder de transformação da informação e do aprendizado. Fiz Complementação Pedagógica, e aprendi a aplicar a melhor didática cada aluno, de forma que ele compreenda a matéria da melhor forma possível dentro da sua individualidade. Hoje vejo que isso funciona com humanos e caninos!

No meio desse caminho, em 2008, comecei  a praticar DogAgility com a Brisa e Cocota. Encantada com o esporte, onde a comunicação cão-dono é levada ao máximo, adquiri a Sauza, uma Border Collie, raça considerada a mais propícia para o esporte por sua forte característica de cão de trabalho. Hoje eu sei que qualquer raça pode praticar Agility, se divertir muito e ter resultados muito bons, mas tenho que admitir que “pilotar” um Border em pista é legal á beça!
Desde então participei de muitos seminários nacionais e internacionais, pratiquei muito e competi um tanto. Consegui  títulos cariocas e brasileiros na categoria Iniciantes e Grau 1 Midi, e ainda algumas boas colocações no Grau 2 com a Cocota, e com a Sauza arrebatamos umas boas medalhas nas categorias Grau 1 e 2 Standard em competições estaduais e nacionais.
Hoje a Cocota curte sua aposentadoria e a Sauza participa de provas comigo (G2) e com uma amiga (G1).
Com isso tudo, foi crescendo a vontade de aprender a ler melhor a linguagem dos cães, compreendê-los melhor, e melhorar a nossa comunicação, não só nas pista, mas sobretudo na convivência diária. 

Procurei então a LordCão, para me auxiliar no aprofundamento nesse maravilhoso mundo canino. Estudei, acompanhei casos reais e aulas, pratiquei muito e o fascínio por trabalhar com eles só aumentou. Procuro sempre me atualizar e inovar, sem perder o foco e a missão da empresa a qual escolhi para representar no adestramento, mas trazendo também a minha marca pessoal.

Hoje fico feliz em usar minha bagagem de professora de línguas nessa nova fase, conseguindo ajudar os donos a “falar” e “entender” a língua dos seus filhos peludos, fortalecendo o laço entre eles, e melhorando a qualidade de vida de ambos.

Vanessa Vianna - Rio de Janeiro e Miguel Pereira/RJ
(21) 2208-6951 / 99403-6951



Ana Claudia
Ana Claudia Villaça

Sempre fui doida por cães, desde pequena, mas nunca me foi permitido ter um cão em casa. Por isso, minha primeira providência quando fui morar sozinha foi ter meu tão sonhado cãozinho! Minha jornada canina começou em 1996 quando o Ice Cube, um cocker spaniel inglês, chegou na minha vida. Ele era um encanto, mas também um furacão! Comia tomadas, sapatos, livros... tudo o que estava pela frente.

O Ice já estava com 1 ano e meio e isso tinha que parar, o que fazer??? Soube de um cursinho intensivo de treinamento, onde prometiam um adestramento relâmpago em 15 dias. Acreditei e lá fomos nós. Tolinha... o Ice obedecia aos comandos do treinador, mas não a mim. Isso não ia funcionar. Até que, finalmente achei a LordCão e a Claudia! Começamos a treinar e viramos sócios de carteirinha das aulas. O Ice foi ficando um verdadeiro lord. Também chegou a Dani, que logo virou treinadora da LordCão. Acabamos todos nos tornando grandes amigos e cada vez mais os encontros e papos sobre cães tomavam conta da minha vida. Foram (e ainda são!) muitos anos de convivência e informação, lendo, ouvindo, debatendo sobre cães.

Depois de alguns anos, chegou a Sophia, uma pug. Ela veio para me colocar em um outro mundo canino, que foram as exposições. Ela fechou seus campeonatos e hoje vive muito bem, somente como uma alegre cadelinha de companhia.

Enquanto isso tudo acontecia, eu trabalhava como diretora de arte em um jornal de grande circulação. Sou formada em Programação Visual e exerci esta profissão por quase 20 anos. Mas a vida vai nos brindando com suas supresas e um belo dia eu pensei: “se já estou há tanto tempo me dedicando aos cães, porque não trabalhar com eles?”. Assim, me juntei à LordCão e concluí meu treinamento oficial.

Hoje posso falar que é uma experiência incrível se aprofundar nos estudos da mente de um cão, aplicar as teorias, as possibilidades, as soluções práticas e os meios de melhorar a convivência entre cães e donos.

P.S - No momento, estou afastada dos treinamentos por conta de uma trasferência do maridão, mas assim que der, eu volto!!! :)


© LordCão 2009